Assine nossa newsletter

Estabilidade financeira para caminhoneiros: como conseguir a sua?


Estabilidade financeira para caminhoneiros: como conseguir a sua?

Trabalhar na estrada envolve grandes custos, como com diesel, manutenção do caminhão e troca periódica de veículo. Além disso, é comum muitos caminhoneiros ficarem dias longe de casa, gastando com alimentação, higiene e hospedagem. Essas características da profissão tornam essencial fazer um planejamento financeiro, para que o resultado do esforço seja aproveitado, resultando em estabilidade financeira.

Se você pensa em ter uma ocupação tranquila e uma aposentadoria satisfatória, pense seriamente em gerenciar suas finanças. A ausência de planejamento financeiro afeta diretamente as oportunidades de economias e ganhos. Mesmo que você já seja um caminhoneiro veterano, nunca é tarde para reorganizar as contas e os objetivos.

Pegar a rodovia e ficar longe da família não é desculpa para não se educar financeiramente. Esse assunto é crucial para sua vida pessoal e profissional — inclusive para a sua rotina, já que, quanto menos problemas tiver, mais apto e focado você estará nas viagens.

Este artigo mostrará como você pode obter a tão sonhada estabilidade financeira para caminhoneiros e conquistar um futuro próspero na sua profissão. Boa leitura!

Quais são os benefícios do planejamento financeiro?

Para que você fique ainda mais certo de que o planejamento financeiro é fundamental para o caminhoneiro, confira agora quais são os benefícios gerados.

Entendimento de receitas e despesas

Um dos principais benefícios de fazer um planejamento financeiro é compreender com facilidade seus gastos e ganhos, de onde vem o dinheiro e para onde ele vai. Ter essa visão da movimentação financeira é essencial para que a pessoa consiga ter estabilidade financeira.

Com o histórico de receitas e despesas em mãos, você identifica quais foram os fretes mais rentáveis e, então, pode se esforçar em repeti-los. Além disso, tem como saber quais foram os gastos que mais pesaram e eliminá-los com mais facilidade.

Dica: Confira o que você precisa saber sobre o caminhão elétrico!

Economia sem estresse

Essa vantagem do planejamento financeiro é uma consequência do benefício anterior. Identificando as principais despesas do seu orçamento, fica muito mais tranquilo economizar sem prejudicar a sua qualidade de vida.

Isso ocorre porque é normal que as pessoas que não fazem o planejamento financeiro tenham gastos aparentemente insignificantes. Porém, quando fazem as contas, percebem que estão gastando demais com coisas que pouco acrescentam em suas vidas.

É o caso de pacotes de TV por assinatura com canais que ninguém assiste, planos de telefone com minutos além do necessário e compra de itens de marca, sendo que existem similares tão bons quanto, mas com a etiqueta desconhecida.

Liberdade financeira

Ao fazer o planejamento financeiro corretamente, o resultado é a estabilidade financeira. Isso faz com que a pessoa se veja livre das dívidas com juros mais pesados, que consomem parte dos seus ganhos.

Dessa forma, passa a ter mais liberdade financeira, pois parte dos seus rendimentos estarão disponíveis, sem necessidade de recorrer a empréstimos bancários. Ou seja, você fica livre para gastar o seu dinheiro sem ter que dar explicações a ninguém.

Realização de sonhos

Você convive com aquela sensação de que, por mais que trabalhe, nunca consegue realizar seus sonhos? Tem a impressão de que até ganha bem, mas o resultado nunca se concretiza em realizações? Isso é característica de quem não faz o planejamento financeiro, pois não sabe como seu dinheiro é gasto.

Ao mudar de hábito, você terá condições de fazer suas economias renderem. No longo prazo, isso proporcionará a realização dos seus planos, como aquela viagem em família ou a reforma da casa, por exemplo.

Flexibilidade de trabalho

Há aqueles que pensam que dinheiro sobrando é sinal de muito trabalho. Pode até ser, mas nem sempre isso é verdade. Quem é mais inteligente e sabe administrar as finanças consegue fazer com que o seu dinheiro renda mais, pois não gasta com coisas desnecessárias.

Agindo dessa maneira, a pessoa não precisa pegar qualquer trabalho que veja pela frente. Ela passa a ter a flexibilidade de escolher apenas os serviços mais interessantes, pois não está necessitando de recursos para quitar as contas de curto prazo.

Dica: 8 aplicativos essenciais para caminhoneiros

Como funciona o planejamento financeiro?

É preciso ter total consciência dos seus afazeres. Afinal de contas, você depende de fretes e oportunidades para obter renda. Em razão disso, é fundamental estar preparado para os meses (ou períodos do ano) em que há diminuição da procura ou mesmo para uma época sem trabalho.

A atividade do caminhoneiro conta com outras particularidades que tornam a administração das finanças indispensável, uma vez que dirigir todos os dias — nem sempre por trajetos de boa qualidade — ocasiona desgaste emocional e físico. Futuramente, essa vivência pode levar a uma redução de viagens.

Por isso, você precisa considerar a elaboração de um planejamento financeiro para deixar a sua vida mais tranquila, sem estresse. Isso será benéfico tanto para você quanto para a sua família, que terá o apoio necessário contra eventuais emergências.

Vale frisar que você terá total controle da sua vida profissional e econômica, o que dá não apenas autonomia para escolher fretes ou modelos de caminhão mais bem equipados, mas também concede disciplina e capacidade para traçar metas.

Se você ignorar essas questões, colherá as consequências no porvir, ainda mais se você não estiver no auge físico ou sem condições de arcar com uma troca repentina de veículo.

No entanto, essa situação pode ser evitada com algumas atitudes. Poder trabalhar somente em fretes curtos e se aposentar no tempo adequado são grandes retornos que a organização das finanças oferece.

Garanta os fretes lucrativos com algumas estratégias. Saiba quais são no banner abaixo:

conheça as estratégias para conseguir frete com lucro

Como dar início ao planejamento financeiro?

Fazer um planejamento financeiro não é tão complicado, porém, exige disciplina e persistência na apuração e na coleta dos dados. Para começar, levante informações, como: aplicações, contas bancárias, dívidas e bens. É importante inserir tudo o que você possui, ou seja, todo o seu patrimônio pessoal e profissional.

Um dos segredos para o sucesso é não misturar os gastos da profissão — financiamentos e viagens — com os da família — alimentação, moradia e saúde. Fazer essa separação é essencial para ter uma estabilidade financeira exemplar. Logo, estabeleça um limite entre essas contas para evitar problemas.

Como conquistar a estabilidade financeira para caminhoneiros?

Agora que as informações iniciais já estão todas levantadas e organizadas, é hora de partir para o planejamento financeiro. Veja como montar o seu!

Defina objetivos de curto, médio e longo prazo

Fazer um planejamento que permita alcançar a estabilidade financeira envolve tomar diversas atitudes e mudar alguns hábitos que podem ser difíceis em diversos momentos. Para não desanimar no meio do caminho, é essencial ter objetivos. Dessa forma, ao pensar em desistir, você se lembrará daquilo que deseja.

Portanto, estipule objetivos para curto, médio e longo prazo. Curto é para os próximos meses, médio é entre 1 e 2 anos e longo, de 3 a 5 anos. Pode ser pagar a dívida do cartão de crédito, fazer uma poupança para viajar ou trocar o caminhão. O importante é que sejam objetivos possíveis de alcançar, mas que dependam de certo esforço. Assim, você estará sempre motivado a buscar a sua estabilidade financeira.

Calcule os custos por quilometragem

Ao cobrar valores competitivos pelos fretes — sem cometer abusos nem perder suas margens de lucro —, é fundamental que você conheça o custo médio por quilometragem. Para descobrir esse número, some as despesas em cada viagem: alimentação, combustível, hospedagem, pedágio, entre outros gastos que você julgar necessários. Outros custos periódicos, como impostos e manutenções, precisam ser definidos.

Após levantar essas informações, basta dividi-las pelos quilômetros rodados no mesmo período. Assim, você consegue definir o custo dos seus serviços, além de conhecer com precisão a margem de lucro real.

Dica: Lona para caminhão: 5 dicas para escolher a melhor para sua carreta

Elabore uma planilha de gastos domésticos

Descobrir os valores referentes aos gastos domésticos é muito importante para definir qual é o faturamento ideal, bem como as despesas que podem ser eliminadas e o momento mais propício para criar poupanças para outras demandas.

Classifique as despesas de acordo com sua importância (indispensável, intermediária e supérflua) e periodicidade (mensal, anual, eventual). É necessário que você saiba onde e como gasta seu dinheiro. Com esses primeiros registros, você passa a ter noção de como usa as suas economias.

Outra forma de classificar as despesas é em setores, como alimentação, saúde, moradia, educação e lazer. Depois, some os gastos de cada categoria. Isso facilitará para você entender onde estão as principais despesas, indicando onde poderá economizar.

Para completar, não deixe de fazer uma tabela separada com os seus ganhos, pois também é preciso compreender quais foram os melhores fretes. Dessa maneira, você poderá se dedicar para continuar trabalhando onde valeu a pena e evitar os serviços que renderam pouco.

Acompanhe as despesas e os ganhos

Ao atualizar com frequência a sua planilha indicada no passo anterior, você passará a ter um histórico de despesas e ganhos. Isso é uma excelente maneira para conferir como anda o seu desempenho, se está conseguindo economizar ou não e como estão os seus rendimentos.

Caso esteja utilizando um app no celular ou uma planilha eletrônica no computador, poderá até criar gráficos para entender melhor como andam as suas finanças. Achou que apenas grandes investidores faziam isso? Está enganado, pois você pode e deve ter a mesma atitude.

Quanto a esse acompanhamento, vale mais uma dica: não deixe de registrar nenhuma despesa em seu controle, nem mesmo aquele café da padaria, que é baratinho. Essa atitude é essencial para a precisão do seu acompanhamento financeiro. A explicação é simples: uma despesa de baixo valor, mas que ocorre repetidas vezes, acaba sendo relevante em um período longo.

Tenha um fundo de reserva

Separe sempre uma quantia dos seus recursos para emergências. Desse modo, você terá como recorrer em casos de acidentes ou quebras mecânicas. Considere esse capital como uma espécie de amparo — um apoio para quitar os consertos necessários e manter-se durante o período em que o veículo ficar parado.

Garanta os fretes lucrativos com algumas estratégias. Saiba quais são no banner abaixo:

conheça as estratégias para conseguir frete com lucro

Considere as obrigações

Como você trabalha na estrada, pense na possibilidade de contratar um plano de seguro de vida e de acidentes. Isso deve constar no planejamento financeiro e precisa ser bem analisado antes de fazer a contratação.

Se a cobertura do plano ideal for muito cara, retire alguns benefícios menos importantes para que ele fique mais acessível. Assim, quando você melhorar sua renda e seus débitos estiverem em ordem, você pode incluir os prêmios necessários e aumentar a mensalidade.

Um fator que compromete muito a estabilidade financeira para caminhoneiros é o não pagamento do INSS. Mesmo que você tenha uma previdência privada, nunca deixe de pagar a Previdência Social. Com ela, você terá direito à aposentadoria e a auxílios monetários (caso sofra algum acidente que comprometa sua função profissional).

Nota: todos os desembolsos com aplicações, obrigações e seguros devem girar em torno de 30% do seu faturamento. Não ultrapasse esse valor para não prejudicar suas contas pessoais.

Dica: Acessórios para caminhão: 10 itens que não podem faltar no seu veículo

Use a tecnologia

Se você se dá bem com a tecnologia, utilize-a a seu favor. Nesse caso, as planilhas manuais, no caderno ou no Excel, podem ficar acessíveis na palma da sua mão. Existem aplicativos que fazem o controle financeiro de maneira simples e intuitiva.

Alguns notificam compras com cartão, separam compras por categorias e criam relatórios que apontam como você gasta. Esses programinhas ajudam a manter as contas pessoais sob controle, pois você consegue ver no calendário as contas que precisam ser pagas mensalmente, o que evita juros e multas por atraso. Para usufruir de todas essas vantagens, basta ter acesso à internet — via 3G/4G ou Wi-Fi.

Se precisa de alguma indicação, conheça os dois principais apps para ajudar no planejamento financeiro. O primeiro é o Mobills, que está disponível gratuitamente tanto no Android quanto no iOS. Com ele, você consegue visualizar com facilidade todos os seus ganhos e gastos na tela do celular, entendendo para onde vai o seu dinheiro. Caso queira mais funções, também existe a versão paga.

O outro é o Guia Bolso, também disponível para Android e iOS gratuitamente e em versões pagas. O seu funcionamento é semelhante ao Mobills. No entanto, ele tem possibilita a autorização do acesso à sua conta bancária e ao cartão de crédito. Assim, todos os débitos vão automaticamente para o aplicativo. Isso pode parecer perigoso, mas o desenvolvedor do app garante que é seguro.

Garanta os fretes lucrativos com algumas estratégias. Saiba quais são no banner abaixo:

conheça as estratégias para conseguir frete com lucro

A vantagem de usar esses aplicativos está no fato de que o celular está sempre à mão, o que não acontece com um bloco de anotações ou um computador. Assim, o uso de um app evita que você acabe se esquecendo de fazer a anotação de alguma despesa, o que poderia compromete a qualidade do acompanhamento financeiro.

Vale mencionar também os aplicativos de frete para aumentar a renda. Com o Rapp (Android e iOS), você consegue fretes a preços adequados, reembolso de pedágio e parte do frete pago antecipadamente. Para isso, é só baixar, cadastrar e aguardar o processo de validação.

Com as informações abordadas ao longo deste conteúdo, você certamente compreendeu como conquistar a estabilidade financeira para caminhoneiros. Agora, basta ter foco e colocar a mão na massa para fazer economias e ganhar mais com as suas corridas.

Se você gostou deste artigo, compartilhe-o com seus colegas de profissão nas redes sociais para que eles também consigam controlar as próprias finanças!




Por
28/06/2019

A Rodojacto nasceu em 1969 e, atualmente, atua no segmento de transporte rodoviário de cargas, dividindo-o em duas áreas: a de carga comum e a de carga especial — mercadorias que excedem pesos e medidas.


Assine nosso blog

Não perca nenhuma novidade!